Circuito Brasileiro

  • Crédito: Divulgação/Facebook

    Maria Elisa e Lili celebram novo projeto ao lado da comissão técnica.
  • Crédito: Arquivo Pessoal/Taiana Lima

    Juliana e Taiana acertam últimos detalhes para estreia no Circuito Brasileiro.

Novas parcerias estreiam em Niterói

Com duplas inéditas e olímpicas em ação, Circuito Brasileiro retoma disputa da temporada
Por: Rafael Nascimento - 26/01/2016 15:13:26
565 visualizações

O retorno do vôlei de praia em 2016 apresentará novidades nas areias da praia de Icaraí em Niterói (RJ), que recebe de 29 a 31 de janeiro a sexta etapa do Circuito Brasileiro. Entre as 32 duplas inscritas, sete atuam pela primeira vez lado a lado. Restando menos de 200 dias para as Olimpíadas do Rio 2016, as estreias acontecem também no campo olímpico: Líderes do Circuito Brasileiro e representantes do país nos Jogos, Alison/Bruno Schmidt e Larissa/Talita encabeçam o Open de Niterói, em seu primeiro desafio na temporada.

Seis atletas debutam no torneio feminino da etapa de Niterói (RJ) do Circuito Brasileiro com novas parcerias. A cearense Carol Horta e a mineira Ana Patrícia iniciam 2016 com status de revelação do vôlei de praia nacional. Antes de firmar o novo time, Carolina Horta conquistou a medalha de bronze nos Jogos Pan-Americanos de Toronto, em 2015, ao lado de Lili. Ana Patrícia, por sua vez, soma em seu currículo a medalha de ouro nas Olimpíadas da Juventude, na China, obtida em 2014 ao lado de Duda Lisboa. Na temporada passada, a atleta formou dupla com Rebecca e foi campeã do Circuito Brasileiro sub-23. “Mais um ano que se inicia. Espero que 2016 seja um ano de crescimento e muito aprendizado”, afirmou Ana Patrícia, de apenas 18 anos.

O fim do ciclo de Juliana/Maria Elisa, parceria que rendeu o título do Circuito Mundial em 2014, entre outras conquistas, formou dois novos times de peso. Natural de Resende (RJ), a carioca Maria Elisa passa a atuar ao lado da capixaba Lili, antiga parceira de Carol Horta. O time é comandado pela técnica Letícia Pessoa, e finaliza sua preparação para o Open de Niterói (RJ) no Rio de Janeiro.

Em seu mais recente projeto, a octacampeã do Circuito Mundial Juliana tem como parceira a também experiente Taiana. Campeã do Circuito Mundial em 2013, ainda em parceria com Talita, a cearense obteve o vice-campeonato mundial em 2015, jogando com Fernanda Berti. De acordo Taiana, o pouco tempo de preparação que o time teve desde sua formação, nos primeiros dias de janeiro, pode ser superado pelas qualidades individuais de cada atleta. “O trabalho está se desenvolvendo bem. Estamos nos conhecendo dentro de quadra e evoluindo degrau a degrau. Em Niterói, vamos colocar em prática o que cada uma tem de melhor individualmente, já que tivemos pouco tempo para criar conjunto. Vamos tentar nos comunicar bastante em quadra para conquistarmos um ótimo resultado nessa estreia”, avaliou.

Ainda segundo a atleta, a sintonia da dupla deverá ser aprimorada de maneira natural, no decorrer das próximas competições. As duas já atuaram juntas em 2002, ano que se sagraram campeãs mundiais sub-21. “Estamos tranquilas, sabemos que tudo vai acontecer no seu tempo. Vontade e determinação temos de sobra”, completou Taiana.

Quatro duplas masculinas completam o time de estreantes no Open de Niterói: Allison Francioni/Vinícius, André Stein/Oscar, Bernardo/Rodrigo Saunders e Marcus/Léo Vieira.

Duplas olímpicas

Das quatro duplas que representam o Brasil nas Olimpíadas, duas confirmaram presença na 6ª etapa do Circuito Brasileiro: Larissa/Talita e Alison/Bruno Schmidt, que lideram a disputa com 1.920 e 1.560 pontos, respectivamente. Ágatha/Bárbara Seixas e Pedro Solberg/Evandro seguem em ritmo de treinamento e preparação no Rio de Janeiro, e estreiam em 2016 no Open de Maceió, competição válida pelo Circuito Mundial e que acontece de 23 a 28 de fevereiro.



Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade