Circuito Mundial

  • Crédito: FIVB

    Álvaro Filho e Alison conquistam a medalha de prata em Viena, na Áustria.

Alison e Álvaro Filho são prata em Viena

Brasileiros são derrotados na final pelos noruegueses Mol/Sorum e conquistam a prata
Por: Redação e assessorias/CBV - 05/08/2019 08:16:35

Pela terceira vez consecutiva nesta temporada a dupla Alison/Álvaro Filho (ES/PB) chega entre os quatro primeiros em uma etapa do Circuito Mundial. No começo da tarde deste domingo (04.08), a dupla ficou com a prata na etapa cinco estrelas de Viena (AUT). Na decisão o capixaba e o paraibano acabaram superados pelos noruegueses Mol/Sorum por 2 sets a 0 (11/21 e 17/21).

“Uma final sempre tem um peso maior psicologicamente, e os noruegueses formam o melhor time do mundo atualmente, são bons, são frios. O nosso time não jogou muito bem essa final, mas é parte do processo. É a primeira final de um torneio cinco estrelas para a gente. Temos que crescer com cada dia, evoluir jogo a jogo”, disse Alison.

O discurso do campeão olímpico na Rio 2016 vai ao encontro do que disse o parceiro após a decisão contra o jovem time norueguês.

“Fico feliz com essa medalha de prata, e não tem como ser diferente depois de cinco semanas fora de casa. A Noruega foi melhor hoje, mas estamos evoluindo. Essa foi a terceira competição seguida que conseguimos ficar entre os quatro melhores. Estamos progredindo e isso é motivo de muita alegria para nosso time”, contou Álvaro.

Para chegarem à grande final Alison e Álvaro passaram por Dalhausser/Lucena, dos Estados Unidos, por 2 sets a 0 (21/18 e 21/16). Assim, os brasileiros encerram a participação na etapa austríaca com cinco vitórias em seis partidas.

Com os resultados de Viena, Evandro/Bruno Schmidt (RJ/DF) segue na liderança da corrida olímpica brasileira com 5570 pontos. A prata manteve Alison e Álvaro em segundo lugar, mas com 5200 pontos. André/George (ES/PB), com 4450 pontos, está em terceiro. Pedro Solberg/Vitor Felipe (RJ/PB) soma 2800 em quarto. Guto/Saymon (RJ/MS) fecha a lista em quinto com 2570.

“Esse momento de finais em grandes torneios é novo para o nosso time. E precisamos passar por isso. É um amadurecimento, precisamos passar por finais, por pódios para crescer. Estamos no caminho certo. Falta muito tempo para os Jogos Olímpicos, apenas um ano, mas com muita coisa ainda por acontecer e estamos indo bem”, analisou Alison.

CORRIDA OLÍMPICA BRASILEIRA - MASCULINO:


  1. Evandro/Bruno Schmdit (RJ/DF) – 5.570 pontos
  2. 
Alison/Álvaro Filho (ES/PB) – 5.200 pontos

  3. André Stein/George (ES/PB) - 4.450 pontos

  4. Pedro Solberg/Vitor Felipe (RJ/PB) - 2.800 pontos

  5. Guto/Saymon (RJ/MS) - 2.570 pontos

Gol Linhas Aéreas Nissan
Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade