+ Notícias

  • Crédito: Reprodução do Facebook

    Wood entre as espanholas Elsa e Lili durante a Rio 2016.

Danny Wood vai treinar austríacas

Treinador das espanholas Lili/Elsa vai treinar, também, Schwaiger/Schützenhof, da Áustria
Por: Redação - 05/04/2017 10:54:27
417 visualizações

O técnico Danny Wood, da dupla espanhola Elsa Baquerizo e Liliana Fernandez Steiner, por uma década, vai trabalhar também pela Federação Austríaca de Voleibol, treinando a dupla feminina Steffi Schwaiger / Kathi é Schützenhof.

"Ele é um dos melhores treinadores de vôlei de praia", diz o presidente da Federação Austríaca de Voleibol Peter Kleinmann. O principal objetivo desta nova formação são os Jogos Olímpicos de 2020, em Tóquio, mas antes disso, o foco é o Campeonato Mundial, em Viena.

"Estou extremamente motivado para trabalhar com Steffi e Kathi", disse Danny, que já viveu anteriormente esta experiência de treinar duas duplas de diferentes nações, quando assumiu os alemães Jonathan Erdmann e Kay Matysik, juntamente com Lili e Elsa.

Danny falou que conversou antes com as espanholas e tudo ficou combinado: "Nós conversamos sobre isso. Assim que alguém não se sentir confortável com a situação, vamos mudá-la". A dupla espanhola está vivendo um momento de expectativa com o nascimento do primeiro filho de Liliana, em agosto e enquanto isso Elsa que somente vai atuar em torneio de 4 e 5 estrelas, além de tentar a vaga mara o Campeonato Mundial de Viena, terá que decidir se jogará com Angelina Lobato, de 24 anos ou Fernandez Amarante, masi experiente com 33 anos.

Nesta semana Danny inicia os treinamentos, em Viena, com a dupla austríaca, para o torneio 3 estrelas que vão disputar em Xiamen, na China, de 20 a 23 de abril. Quando Danny estiver com Elsa e sua parceira, o treinador nacional da Áustria, Alex Prietzel, vai assumir as austríacas.

O contrato de Danny e a Federação Austríaca assinaram um contrato até o final da temporada e podem rompê-lo logo após o Campeonato Mundial, em Viena.

Quanto ao retorno de Lili, no momento eles estão focados em estudar Kerri Walsh e as irmãs brasileiras, Carol e Maria Clara Salgado, sobre o retorno ao Circuito Mundial com uma criança.

Quanto a possibilidade de um cruzamento entre a dupla austríaca e a nova formação de Elsa Baquerizo, Danny disse que: "As equipes decidem. Ou eu sou treinador de nenhuma deles ou de ambas na quadra. E se isso vir a acontecer muito este ano, então é um bom sinal de qualquer maneira, porque isso significa que eles chegaram a uma fase de quartas de final ou semifinal".


Gol Linhas Aéreas Nissan
Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade