+ Notícias

  • Crédito: CEV.

    Paolo Nicolai e Daniele Lupo venceram na primeira rodada do Campeonato Europeu.

Holanda recebe o Campeonato Europeu

Melhores equipes do velho continente se reúnem em quatro cidades holandesas
Por: Redação - 16/07/2018 16:42:39
376 visualizações

Apenas dois dias após o término do Major de Gstaad, na Suíça, as melhores duplas europeias retornaram à quadra para a disputa do Campeonato Europeu 2018. Nesta segunda-feira, nas cidades de Haia, Roterdã, Utrecht e Apeldoorn, ambas na Holanda, as duplas masculinas iniciaram a competição mais importante do velho continente. A chave feminina começa nesta terça-feira.

O Campeonato Europeu 2018 tem a final programada para o próximo domingo, em Haia. As 32 melhores equipes do velho continente buscam a medalha de ouro do torneio. Na fase de grupos, as duplas estão divididas em oito grupos, com quatro equipes em cada chave. Com formato igual das competições do Circuito Mundial, as líderes de cada grupo avançam diretamente às oitavas de final, já as segundas e terceiras colocadas disputam a repescagem.

Na primeira rodada da chave masculina, as principais duplas entraram nas quadras espalhadas pelas três sedes da competição. Pelo grupo A, em Utrecht, Nicolai e Lupo venceram os sérvios Kolaric e Basta, por 2 sets a 0 (21/13 e 21/16). Na segunda rodada, os italianos vão enfrentar os suíços Beeler e Krattiger, que venceram os tchecos Perusic e Schweiner, por 2 sets a 0 (21/16 e 21/14).

Pelo grupo B, em Haia, os donos da casa Brouwer e Meeuwsen sofreram, mas derrotaram os turcos Giginoglu e Gögtepe, por 2 sets a 0 (25/23 e 21/19). O próximo jogo dos holandeses no Campeonato Europeu será diante dos belgas Koekelkoren e van Walle, que superaram os poloneses Kujawiak e Rudol (21/14 e 21/12).

Pelo grupo C, em Roterdã, os austríacos Doppler e Horst estrearam com vitória diante dos holandeses van der Ham e Vismans, por 2 sets a 0 (21/13 e 21/11). Na segunda rodada, os vice-campeões mundiais vão jogar diante dos russos Semenov e Leshukov, que venceram os poloneses Prudel e Szalankiewicz (21/15 e 21/19).

No grupo D, em Apeldoorn, Kantor e Losiak derrotaram os suíços Heidrich e Gerson, por 2 sets a 0 (21/14 e 21/16). Na segunda rodada, os poloneses vão jogar diante dos italianos Caminati e Rossi, que foram derrotados pelos holandeses Boehlé e van de Velde (18/21, 31/29 e 09/15). No grupo E, também em Apeldoorn, os campeões do Major de Gstaad, Mol e Sorum, venceram os franceses Thiercy e Gauthier-Rat (21/10 e 21/18). O próximo jogo dos noruegueses será diante dos russos Sivolap e Yarzutkin, que passaram pelos compatriotas Krasilnikov e Liamin (21/17 e 21/19).

No grupo F, em Roterdã, Plavins e Tocs derrotaram os noruegueses Berntsen/Mol, por 2 sets a 0 (21/13 e 21/15). Na segunda rodada, os letões vão encarar os tchecos Dumek e Bercik, que foram superados pelos russos Stoyanovskiy e Velichko (12/21 e 15/21).

No grupo G, em Haia, Smedins e Samoilovs passaram por dificuldades, mas venceram os alemães Bergmann e Harms, por 2 sets a 1 (21/13, 11/21 e 15/12). Na segunda rodada, os letões jogam diante dos lituanos Rumsevicius e Kazdailis, que perderam para os poloneses Fijalek e Bryl (11/21 e 17/21).

No grupo H, em Utrecht, os espanhóis Herrera e Gavira aplicaram a virada e venceram os austríacos Winter e Hörl, por 2 sets a 1 (16/21, 21/15 e 15/07). Os medalhistas de prata do Major de Gstaad enfrentam na segunda rodada os franceses Krou e Aye, que foram atropelados pelos holandeses Varenhorst e Bouter (09/21 e 14/21).



Compartilhe



Veja também...

    Deixe um comentário

    Seu e-mail não será publicado. Campos Obrigatórios *

    Publicidade
    Publicidade
    Publicidade